Tag Archives: Importância

15 abr

Leia para seu filho: uma experiência extremamente gratificante

A maioria dos pais brinca com seus filhos, os leva para passear, compra presentes e adora passar um tempo com eles. No entanto, é cada vez mais difícil encontrar uma mãe ou um pai que leia para seu filho. Em um mundo tão tecnológico, a leitura tem sido deixada de lado, dando lugar aos modernos jogos de videogame e aos programas de televisão.

Isso de fato pode ser prejudicial, já que os pais podem estar perdendo uma oportunidade maravilhosa de passar um tempo de qualidade com seus filhos e ainda ajudá-los em seu desenvolvimento. Quer saber mais? Continue a leitura!

A importância de estimular o hábito da leitura nos bebês

Você provavelmente conhece alguém que diz não gostar de ler. Sabia que é muito menos provável que isso aconteça com seu filho se você estimulá-lo, lendo para ele?

De acordo com um relatório realizado pelo Instituto Nacional de Educação dos Estados Unidos, o Becoming A Nation Of Readers, as crianças que têm contato com a leitura ainda quando bebês, já conseguem associar que as letras do livro são correspondentes às informações que o adulto está expressando verbalmente.

Além disso, os bebês não têm cérebros completamente desenvolvidos e a leitura pode estimular os sentidos e auxiliar nesse processo. Uma criança que tem um contato maior com os livros, consegue aprender mais rapidamente a se comunicar, a reconhecer letras, números, formas, cores, animais e o mundo ao seu redor. Tudo porque a leitura já terá apresentado essas coisas a ela.

Ler para seu filho pode ajudá-lo no desenvolvimento escolar

Ao ler para os filhos, automaticamente, os pais estão fazendo com que esse seja uma tarefa comum, assim como tomar um banho ou brincar com os brinquedos. Tal fato evitará que no futuro ela se sinta mal ao precisar ler um livro para a atividade de casa. Outra vantagem é que existem grandes chances de que essa criança continue com esse hábito ao longo da vida.

A leitura ainda pode ajudar na alfabetização e nas outras disciplinas escolares, pois o suporte para o aprendizado dentro do ambiente escolar é o livro didático. Sendo assim, estar acostumado a ler pode ser uma vantagem e tanto para interpretar melhor os textos, sejam eles dos livros história ou os problemas de matemática.

A leitura ajudará ainda a fazer com que a criança possa escrever melhor, já que a grafia das palavras acaba sendo fixada na memória.

Estreitando os laços de afeto por meio da leitura

O momento da leitura pode ser extremamente prazeroso para os pais e para as crianças. Ao aconchegar a criança no colo e levá-la a viajar em outros mundos e realidades que ela não conhece, os pais estão vivenciando um momento praticamente mágico junto a elas. Isso com certeza acaba estreitando os vínculos afetivos, pois é um momento divertido e agradável feito em conjunto.

Transmita lições e valores

Escolher bem o livro é uma tarefa muito importante, afinal, é neste momento que os pais podem inserir leituras diversificadas e proporcionar acesso à cultura e valores que serão importantes para auxiliar na construção da personalidade de seus filhos.

Procure sempre optar por livros com lições de moral e que deem aos pequenos as ferramentas certas para que eles tenham uma boa convivência em sociedade. Isso não significa necessariamente que todos os livros precisam ter esse objetivo — a leitura deve ser feita por prazer e o que a criança aprenderá com ela será apenas uma consequência.

Sendo assim, apresente vários tipos diferentes de livros e deixe que elas escolham quais serão os títulos — mas não deixe de mostrar todas as opções disponíveis.

Desperte emoções e o autoconhecimento

Além de despertar a imaginação e curiosidade das crianças, a leitura ainda pode ampliar conexões cerebrais que provocam relaxamento e prazer. Observe que ao ler para seu filho, ele fará expressões variadas, de medo, admiração, suspense, felicidade e até tristeza.

Isso fará com que ele se acostume a lidar com esses sentimentos e tenha um autoconhecimento muito melhor. Mas é muito importante lembrar-se de que as crianças precisam ter contato com livros adequados para suas respectivas idades e também para a maturidade leitora de cada um.

Não necessariamente uma criança mais velha gostará de um livro mais complexo, pois se ela ainda não teve contato com esse universo, um livro maior e mais difícil pode até assustá-la.

Já crianças que tem esse estímulo desde bebês, costumam desenvolver uma maturidade leitora que faz com que ao ficarem mais velhas, elas consigam ler livros complexos com uma facilidade muito maior — escolher livros mais simples pode se tornar entediante.

Faça com que o momento seja maravilhoso

A leitura pode ser um hábito realizado rotineiramente, mas nunca deve ser uma obrigação. Isso porque, ao se tornar um dever, a criança passa a enxergar os livros como monstros que devem ser derrotados, quando na verdade eles são portas para mundos desconhecidos e surpreendentes. Mostre isso aos seus filhos e veja como ele conseguirá se apaixonar pelo mundo da leitura!

Uma dica importante é: caso você perceba que a criança não está à vontade durante a leitura, experimente optar por livros mais curtos ou de gêneros diferentes. Também é válido considerar parar a leitura e retomá-la outro dia. Assimilar o desconforto ao hábito da leitura pode causar um efeito contrário.

Leia para seu filho usando a criatividade

Seja criativo e dê vida aos personagens, ritmo à narrativa e também use e abuse de expressões e gestos que facilitem para a criança o entendimento sobre a história. Quanto mais informações ela absorver, maior será o aproveitamento do momento como um todo.

Nada de deixar o final para o dia seguinte, pois isso pode fazer com que a criança fique ansiosa. Coloque uma expectativa no final e faça com que ele seja realmente surpreendente, use o tom de voz e a imaginação para isso. O mundo da leitura é prazeroso e divertido e pode se tornar um excelente programa em família que, como visto, só proporciona vantagens!

O que acha de começar a estimular o hábito da leitura em seu filho hoje mesmo? Aproveite e confira aqui nesse outro post os 7 motivos por que os bebês choram!

12 out

Entenda a importância de escolher bem as roupas de praia de seus filhos

Depois de um inverno com temperatura acima da média, chega a primavera — estação que tem tudo para ser muito quente também. Nessa época do ano, os programas preferidos das famílias que querem relaxamento, diversão e frescor são as idas aos clubes e praias. Nos finais de semana, então, pais e filhos adoram passar o dia nas piscinas, nas areias, calçadões e no mar.

E não é para menos! Esse tipo de programação, além de divertido, integra a família. Mas é preciso escolher os trajes certos para os momentos de lazer não se convertam em dias de transtorno ao retornar da praia. Quer saber qual é a importância de escolher bem as roupas de praia dos seus filhos? Então confira nosso artigo e aproveite as dicas para acertar na escolha!

Conjunto de praia para menina

Conjunto de praia para menina

A roupa certa deixa a criança à vontade para curtir o dia

Para começo de conversa, as roupas adequadas para o uso na praia são responsáveis por deixar a criança mais à vontade para brincar e aproveitar o dia ao máximo. Como elas são mais leves e não apertam os pequenos, acabam não limitando os movimentos dos seus filhos, uma vez que eles podem correr, nadar, caminhar na orla etc.

Há roupas infantis que possuem proteção solar

Quando não há sombras no local, como ocorre na maioria das praias, uma boa medida de proteção além do uso de filtro solar, óculos escuros e bonés é utilizar roupas com proteção UV. Isso vale tanto para crianças, quanto para adultos. Com roupas assim, a família pode aproveitar a vida ao ar livre, sem se descuidar da pele. Tudo isso porque as peças com proteção solar aliam alta tecnologia e tecidos de qualidade para absorverem melhor os raios ultravioletas.

Roupas de praia também podem ser estilosas

E não dá para nos esquecermos da moda e do estilo, afinal, é claro que você quer ver seus filhos lindos e bem-vestidos também nas praias. Há uma infinidade de roupas de praia disponíveis no mercado para bebês e crianças. As opções de vestidos fresquinhos, shorts, calções, conjuntos de primavera verão, sungas,blusinhas, camisas, camisetas, touquinhas, maiôs e biquínis são fofíssimas e tendem a deixar os pais confusos, mas na hora da escolha!

É indispensável considerar as tendências da moda e procurar optar por roupas que combinem com o tom de pele e personalidade da criança. Prepare-se, pois você vai encontrar roupas florais, listradas, com bolinhas, estampas frutais, bichinhos e por aí vai. Impossível não ficar perdido dentre tantas possibilidades!

O traje ideal traz maior conforto térmico para os pequenos

Imagine só vestir os seus filhos com roupas de plush, roupas jeans ou de moletom para ir à praia. Não dá, né? Os pequenos iam derreter! É para evitar que as crianças fiquem suadas e sufocadas, que existem os tecidos ideais para usar em dias quentes ao ar livre. Os melhores tecidos para usar na praia são os seguintes:

Algodão

O algodão é um tecido de fibra natural que possibilita que a pele respire, evitando assim o acúmulo excessivo de suor. Esse tecido é recomendado para ambientes úmidos e quentes, pois diminui as chances de proliferação de bactérias e surgimento de alergia.

Tencel

Muito usado em vestidos e blusinhas, o tencel é uma fibra originada a partir da celulose de polpa de árvores. Ele tem um toque agradável, alia a maciez do algodão, o caimento e a leveza da seda. Como se não bastasse, é resistente à umidade.

Viscose

Outro tecido muito bom para usar em ambientes praianos é a viscose. Trata-se de uma fibra artificial, mas que utiliza a celulose como base. É um tecido leve, fresco e fluido, que absorve bem a transpiração e umidade. É comum que a viscose seja usada em saias, blusas, t-shirts, saídas de praia e vestidos.

Viscolycra

Uma mistura de viscolycra com elastano, esse material é maleável, macio e fresco. Além disso, as peças em viscose são bem leves e confortáveis. Normalmente esse tecido é usado em camisetas, saias e macaquinhos.

Crepe de malha

O crepe de malha é um tecido 100% poliamida, com aspecto leve e granulado. É um tecido sutilmente elástico e proporciona bastante conforto térmico.

Dry Fit

Peças com conceito Dry Fit também são bem-vindas na praia, pois os tecidos com essa tecnologia têm o poder de tirar a umidade do corpo e levá-la para fora do tecido. O Dry Fit é uma malha que absorve rapidamente o suor, fica sempre fresco e seco, é leve, pouco volumoso e conta com furinhos que permitem a ventilação natural. Para completar, a composição de poliamida dá ao tecido um toque de malha fria.

Outros tecidos ideais para a primavera verão, que não precisam necessariamente ser usados na praia, mas podem ser usados para ir à sorveteria, a um restaurante à beira-mar ou até chegar ao clube são a tricoline, o linho, a cambraia, a laise, o brim e a sarja.

Dicas para acertar no look praiano do seu filho

  • Invista em acessórios infantis de primavera verão, como bonés, tiaras, chinelinhos e óculos de sol.
  • No caso de bebês, sempre que possível, opte por roupinhas com body embutido ou aposte nos famosos banhos de sol. Como a pele dos bebês é ainda mais sensível, redobre os cuidados com a proteção solar.
  • Compre roupas de qualidade comprovada para evitar que elas encolham, desbotem ou provoquem alergia. Para assegurar a qualidade dos produtos, aposte em lojas confiáveis, que tenham boa reputação no mercado e comercializem marcas renomadas no Brasil e no mundo. Itens importados são ótimas pedidas, nesse sentido.
  • Já existem sunguinhas, biquínis e maios com fralda. São as famosas fraldas de piscina! Elas aliam fofura e praticidade! Eles são feitos com tecido impermeável e oferecem conforto extra para os pequenos. Lá fora essas peças de vestuários são chamadas de Aqua Nappies!

E aí, você costuma tomar cuidado com as roupas que escolhe para seus filhos usarem na praia? Deixe sua opinião e suas dúvidas no espaço de comentários e compartilhe sua experiência com a gente e com as outras mamães que acompanham o nosso blog!