13 mitos e verdades sobre a amamentação

Seu bebezinho tão esperado está para chegar e você e sua família estão vivendo a gostosa expectativa de conhecer o mais novo membro. É hora de muita alegria, mas também de muitas dúvidas para a mamãe que quer sempre o melhor para seu bebê. Uma das decisões importantes a serem tomadas neste momento é sobre a amamentação e não vão faltar palpites e conselhos vindos de outras mamães, das vovós e das amigas. O assunto amamentação costuma atrair diferentes opiniões, e muitas pessoas à sua volta vão querer mostrar que sabem o que é melhor para o SEU bebê.

Nesse momento, a coisa mais importante a se lembrar é essa: amamentar ou não é uma decisão pessoal sua e não da família. É natural que você esteja se sentindo insegura e cheia de dúvidas quanto a este assunto, então preparamos este post para ajudar você, futura mamãe, a conhecer os mitos e verdades sobre a amamentação.

Vestidos de bebe
Vestidos de bebe

Amamentação é benéfica para a saúde do bebê

Verdade. Sem dúvida, esta é uma opinião unânime entre os médicos e abalizada pela Organização Mundial de Saúde: o leite materno é um alimento completo e contém todos os nutrientes que seu bebê precisa até os seis meses de idade. Além de bem nutrido, o bebê amamentado no peito também estará protegido contra infecções, alergias, diabetes, doenças cardíacas, afecções de pele e outras doenças, além de prevenir a obesidade infantil. E mais ainda: o desenvolvimento do cérebro do bebê amamentado no peito também é favorecido.

Algumas mães têm leite fraco

Mito. Não existe leite fraco, todo leite materno é bom para o bebê. Algumas vezes, a mãe compara o leite materno ao leite de vaca e acha que seu leite está aguado, pois o da vaca é mais espesso. O leite humano é naturalmente menos denso, mas isso não significa que é “fraco”. Mesmo as mães desnutridas são capazes de produzir leite materno adequado para o bebê.

Amamentar dói

Mito. A amamentação deve ser um processo natural e indolor. Nos casos em que há dor, o mais provável é que o bebê não esteja sugando corretamente. O ideal é que o bebê tenha a aréola inteira na boquinha e não apenas o bico do mamilo, que é a parte mais sensível. As rachaduras do bico do seio ocorrem pelo processo de sucção errada. A equipe da maternidade estará pronta para orientar as mamães quanto ao modo correto de amamentar.

Quem tem prótese de silicone nos seios não pode amamentar

Mito. Dependendo da técnica usada no implante, não há problema algum. O ideal é que o corte cirúrgico para a colocação da prótese seja feito pela axila ou pela dobra do seio e não pela aréola. Caso você pretenda amamentar depois da colocação da prótese, discuta antes com o cirurgião sobre o melhor técnica cirúrgica a adotar.

Dar a mamadeira é mais fácil do que amamentar

Mito. Desculpe, mas isso é conversa dos fabricantes de fórmulas para alimentação infantil que querem aumentar as vendas, então tentam desestimular o aleitamento materno. Depois de alguns dias de adaptação entre mãe e filho, amamentar se torna fácil e natural. E você tem o leite prontinho para o seu bebê na hora em que ele quiser, sem se preocupar com a esterilização de mamadeiras e outras providências.

Amamentar emagrece

Verdade. A produção de leite queima calorias, por isso a mãe emagrece mais rapidamente ao amamentar. Mantenha uma alimentação saudável e equilibrada que logo você estará em forma novamente. É normal que a mãe perca de 600 a 800 calorias por dia enquanto estiver amamentando, o que equivale a uma caminhada de meia hora em ritmo moderado. Você emagrece sem esforço físico, enquanto desfruta de deliciosos momentos de intimidade com o seu bebê!

Quem tem mamilo invertido não consegue amamentar

Mito. A natureza é sábia e sempre acha um jeitinho. À medida que os seios crescem durante a gravidez, a tendência é de que os mamilos se tornem mais salientes. Você também pode encontrar nas farmácias as conchas de silicone próprias para serem usadas na gravidez e que ajudam a moldar os mamilos. E fique tranquila, pois assim que o bebê nascer, a equipe de enfermagem vai te ajudar a encontrar o jeito melhor para amamentar.

Você não vai engravidar novamente enquanto amamentar

A questão aqui é mais delicada. Não é provável que você engravide, mas é melhor não contar com a amamentação como garantia para evitar uma nova gravidez. Peça orientação médica quanto ao melhor método anticoncepcional a adotar nesse período.

Amamentar provoca flacidez dos seios

Mito. A flacidez dos seios pode estar ligada a fatores genéticos ou ao ganho de peso excessivo durante a gravidez, mas não está relacionada à amamentação. Seus seios vão aumentar muito de tamanho enquanto estiverem produzindo leite, mas a tendência é de que eles voltem naturalmente ao que eram antes quando chegar o final do período de amamentação.

O leite materno pode ser congelado

Verdade. Tome cuidados especiais com a higiene ao extrair o leite. Lave bem as mãos e os antebraços, prenda os cabelos e evite falar durante a coleta. Se necessário, use bombas de extração de leite e armazene em recipientes bem lavados e esterilizados, antes de levar ao freezer. Cole no frasco uma etiqueta com a hora e dia em que o leite colhido. Segundo a Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano, o leite congelado no freezer pode ser usado até por 15 dias.

Ao voltar ao trabalho, a mãe tem de interromper a amamentação

Mito. A lei garante o direito a dois intervalos de meia hora para amamentação até que seu bebê complete seis meses. Esse tempo pode ser prorrogado, caso houver recomendação médica. A maioria das mães prefere somar os dois intervalos de meia hora e sair do trabalho uma hora mais cedo. Além disso, você pode coletar e congelar o seu leite (siga as orientações do item acima) e deixar para o seu bebê enquanto estiver no trabalho.

A mãe precisa de alimentação especial durante a amamentação

Mito. O que você precisa é de alimentação saudável e equilibrada, o que você já deve ter adotado desde a gravidez, mas não precisa cortar nada de sua alimentação. Até uma taça de vinho para comemorar o nascimento é permitida, só não valem os excessos de álcool, cafeína e frituras, mas isso você já sabe desde que engravidou, não é? Tenha uma garrafinha de água por perto enquanto amamenta e mantenha-se sempre bem hidratada!

A amamentação é benéfica para a saúde da mãe também

Verdade. A produção de prolactina e ocitocina promove uma sensação de relaxamento e bem-estar para a mamãe e aquele momento gostoso de olho no olho que acontece durante a amamentação fortalece os laços com o bebê. Amamentando você emagrece e volta à forma mais rapidamente, fica protegida contra câncer de mama e de ovários e de doenças cardiovasculares.

Então, agora você já sabe que o aleitamento materno é extremamente benéfico para mãe e filho e vai garantir a saúde e a segurança de seu bebê tão precioso. Tome sua decisão baseada em informações do/da obstetra e de fontes confiáveis e não baseando-se em mitos e “conversas de comadres”.

Compartilhe suas experiências conosco e deixe seus comentários no blog para ajudar as outras mamães!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *