Guia: Como comprar roupas importadas para bebê e economizar?

Não dá para negar que as roupas infantis importadas são realmente diferenciadas. A qualidade é indiscutível e, no quesito estilo, as peças gringas também não deixam a desejar. Não é à toa que muitas mamães optam por montar o enxoval dos pequenos no exterior. Durante muito tempo, compensou viajar para comprar roupas importadas de bebê, mas com o dólar em alta, será que essa prática se mantém vantajosa?

O fato é que mesmo com a economia não favorável à aquisição de itens importados, é possível, sim, continuar vestindo seus filhos com roupinhas importadas, sem que isso pese no bolso — basta adotar algumas estratégias para economizar nas compras.

Quer saber como comprar roupas importadas para o seu bebê sem gastar muito? Então confira o guia exclusivo que preparamos para você. São dicas simples, mas que vão te ajudar a economizar um bom dinheiro na hora das compras. Vem ver!

Guia Como comprar roupas importadas para bebê e economizar
Guia Como comprar roupas importadas para bebê e economizar

Monte uma lista antes de ir às compras

Uma regra de ouro para manter o foco e evitar gastar rios de dinheiro com o enxoval do bebê é montar uma lista com os itens que o pequeno vai precisar, especificando a quantidade de macacões, casaquinhos, vestidos, calças, camisetas, pijaminhas, etc. Nesse processo, você pode olhar várias sugestões de listas e fazer uma seleção de acordo com a sua realidade, com base no que julga necessário para seu baby e também no valor que você tem disponível para investir.

Isso não vale unicamente para as gestantes que estão planejando os primeiros meses de vida dos filhos. Pelo contrário! As listas devem existir em toda a jornada das mães. Por exemplo, se a criança já crescidinha tem uma festa para ir, a mãe deve listar o que precisa comprar, incluindo a roupa nova, um eventual sapato, um acessório, o presente do aniversariante e por aí vai. Essa atitude impede que você compre várias roupas, vários sapatos, vários acessórios que seu filho nem chegará a usar, justamente porque cresce rápido e amanhã a necessidade será outra. Fica a dica!

Conjunto jeans 3 Pecas girl 2T-nannette
Conjunto jeans 3 Pecas girl 2T-nannette

Pesquise e compare preços

Tanto nas compras em lojas físicas quanto nas aquisições em lojas virtuais, é importante que você não encha as sacolas no primeiro estabelecimento, ainda que as ofertas sejam tentadoras. Antes de fechar negócio, pesquise e compare preços, pois pode haver diferenças gritantes de um estabelecimento para o outro. Nas compras online, use ferramentas como comparadores de preços e buscas de produtos para fazer a pesquisa e comprar de maneira consciente. Já nas compras presenciais, não há outra medida a não ser bater perna e pechinchar no comércio. Nada de comprar na primeira loja que encontrar pela frente, entendido?

Roupas de bebe para festa
Roupas de bebe para festa

Faça a conversão do preço do dólar para real

Se você estiver viajando e encontrar em outro país roupinhas ideais para seus filhos, tenha sempre uma calculadora em mãos e não deixe de fazer a conversão do dólar para o real. Por incrível que pareça, mesmo em tempos de dólar em alta, a compra no exterior pode compensar. Marcas importadas super badaladas são vendidas lá fora por preços acessíveis, isso porque, a carga tributária no Brasil acaba encarecendo os itens estrangeiros.

Por outro lado, comprar em sites gringos pode ser perigoso para seu bolso. Marcas como a Carter´s, por exemplo, exportam para o Brasil, mas sem nenhuma vantagem financeira. O preço do produto é em conta, mesmo depois de convertido para o real, no entanto, a taxa de envio é alta e o preço final não compensa — além da possibilidade de você ser taxada quando a sua compra chegar no Brasil.

Vestido de bebê
Vestido de bebê

Calcule o frete e os impostos

Ao comprar roupas importadas, você não deve considerar unicamente o preço da peça. O custo final dependerá de outros valores, como, por exemplo, a taxa de envio e os tributos de importação. Por falar nisso, remessas internacionais no valor total de, no máximo, US$ 50, estão isentas da cobrança de impostos, desde que o destinatário e o remetente sejam pessoas físicas e que a encomenda seja transportada pelo serviço postal. Fora esse perfil de remessa, as encomendas estão sujeitas à taxação — podendo encarecer o produto adquirido em até 60%.

Sapatilha infantil bege
Sapatilha infantil bege

Busque promoções

Uma forma muito eficaz de economizar na compra de roupas importadas é buscar (e aproveitar) promoções. Na mudança de estações é comum encontrar peças básicas e atemporais por bons preços. Períodos sazonais, como Black Friday, Natal e Ano Novo também são ótimos para encontrar descontos atrativos. Só não vale comprar um vestido tamanho 4, se a sua filha tem só um ano. Mesmo que o preço seja irresistível e a peça seja linda, pode ser que após alguns anos, a roupa já esteja completamente ultrapassada. Nesse caso, o barato sairá caro e você vai acabar jogando dinheiro fora.

Vestido infantil azul importado
Vestido infantil azul importado

Aposte nas lojas virtuais nacionais

Quem foi que disse que precisa viajar para o exterior para comprar roupinhas importadas para o seu bebê? Hoje, a tecnologia permite aos consumidores que eles comprem produtos sem sair do conforto do seu lar e sem a necessidade de gastar com viagens. Se você quer economizar na hora de vestir seus pequenos, uma ótima alternativa é comprar em lojas online.

É possível comprar diretamente no e-commerce das marcas ou recorrer a revendedores multimarcas. A segunda opção é mais indicada, pois no site das marcas, a entrega é mais demorada e o preço tende a ser maior por conta das taxas de importação. Nos e-commerces nacionais, você conta com agilidade na entrega e já encontra, imediatamente, o preço do produto na moeda local, sem acréscimos de tributos ou riscos de taxas excedentes. Para completar, nas lojas virtuais multimarcas, os papais e mamães acham uma enorme variedade de produtos e têm acesso às grifes infantis mais famosas do mundo, como Carter´s, Nannette, Ralph Lauren, Baby Gap, OshKosh, Nike, Blueberi, dentre outras de qualidade internacionalmente conhecida e comprovada.

Sapatilha infantil branca
Sapatilha infantil branca

Participe de clubes de compra

Outra maneira de comprar roupas importadas sem castigar seu bolso é participar de clubes de compra para ter acesso a descontos exclusivos. Normalmente, as roupinhas disponíveis são de coleções passadas, mas se a peça for básica, a aquisição costuma compensar, já que os descontos podem chegar a 70%. Agora fique de olho! Para não errar nesse tipo de compra, é indispensável ter noção do valor real do produto sem o desconto. Caso contrário, você pode achar que está fazendo um grande negócio, mas, na verdade, o desconto não existe.

Evite as compras por impulso

A roupa pode ser bonita, o preço pode ser bom, mas será que você não vai se arrepender depois de adquirir a peça? O modelo te agrada? A criança realmente está precisando daquela roupa? Você tem onde guardar a peça? O produto é fácil de lavar e passar? Qual a frequência que será utilizada? Antes de efetuar a compra, faça esses questionamentos e analise o custo-benefício da peça — evite assim as compras por impulso e os gastos desnecessários.

Outlets, bazares e brechós são boas pedidas

As mamães que desejam economizar nas compras de roupas importadas para bebê, podem também recorrer a brechós, bazares e outlets, sempre procurando se certificar do estado de conservação do produto, além de observar o tamanho da peça, para que não fique grande ou pequena demais.

Os grupos de venda e troca de roupas usadas oferecem, normalmente, a vantagem do preço baixo, mas esse é o tipo de negociação que implica em riscos, portanto, não compre de vendedores com má reputação e sempre procure referências antes de fechar negócios.

Já os outlets presenciais e online são mais seguros, as roupas são novas, há nota fiscal de compra e a possibilidade de troca. Ao visitar e-commerces de roupas infantis, sempre atente-se às categorias “Sale”, “Off”, “Promoção”, “Outlet”.

Vestido para festa infantil
Vestido para festa infantil

Use cupons de desconto

Um dos recursos queridinhos dos amantes de compras é o uso de cupons de desconto. A prática começou nos Estados Unidos e virou febre, mas, aos poucos, está conquistando também os brasileiros. Várias lojas já oferecem vales e códigos que podem ser usados para comprar produtos com preços mais acessíveis. Hoje em dia, também existem plataformas que oferecem dinheiro de volta em cada compra. Legal, não é mesmo?

Considere o custo-benefício

Preço não é tudo! Por vezes, o produto não é baratíssimo, mas a qualidade realmente compensa. Comprar roupas de boas marcas e produzidas com matérias-primas de alto padrão, também é uma maneira de economizar, ainda que se pague um pouco mais por elas. É importante considerar a relação de custo-benefício porque roupas de qualidade duram mais, podem ser usadas por mais tempo, repassadas do irmão mais velho para o irmão mais novo e diminuir a necessidade de comprar outras peças de vestuário.

Busque referências sobre a loja

Infelizmente, quando se trata de comércio, existem pessoas e empresas que agem de má fé, transformando uma compra inicialmente vantajosa, em um grande prejuízo. Para evitar que isso ocorra com você, compre as roupas importadas em lojas confiáveis para assegurar que o produto será entregue e impedir problemas com a autenticidade das peças. No processo de investigação acerca da reputação da empresa, ouça a opinião de amigos e familiares e não se esqueça de procurar depoimentos de outros consumidores. Se a compra for feita online, não deixe de checar se a loja virtual tem comprovadamente um site seguro. Existem selos que atestam essa segurança.

Compre roupas à medida que seu filho for crescendo

As crianças crescem muito rápido e muitas vezes não chegam a usar todas as roupas que seus pais compraram. Uma boa maneira de impedir que esse problema aconteça, é não fazer estoques das roupas. Vá comprando os itens à medida que seu filho for crescendo — você poupará dinheiro, tempo e trabalho, afinal, é mais fácil manter conservadas e em uso poucas roupinhas, do que muitas roupinhas, concorda?

Pense nas roupas que o bebê já tem

Uma boa dica para economizar antes de fazer compras, é pensar nas roupas que o seu filho já tem, assim você pode comprar peças complementares, que aumentarão o leque de possibilidades de combinações e evitarão que você gaste dinheiro com roupas que não precisava. Faça um panorama mental do armário do seu filho e pense no que vai combinar com o que. Se ele já tem um cardigã vermelho, por exemplo, será melhor investir em um cardigã azul ou cinza.

Conjunto para bebê menina
Conjunto para bebê menina

Estude a melhor forma de pagamento

Outro quesito importante na hora da compra é estudar qual é a forma de pagamento. Veja se há a possibilidade de parcelar, pagar com cartão ou até mesmo boleto bancário. Vale destacar que o pagamento no cartão de crédito é prático e conveniente, mas requer cuidados. Para que o aliado não se transforme em vilão, é preciso saber usá-lo a seu favor. Para tanto, planeje suas compras, considere as dívidas anteriores e jamais compre um valor superior ao que pode pagar. Para completar, evite a pegadinha dos juros e fuja do crédito rotativo a todo custo.

Estipule um limite de gastos

O prazer de adquirir roupas novas aumenta ainda mais quando as aquisições são feitas para os pimpolhos, afinal, vai dizer que você não adora ver os seus pequenos esbanjando charme, beleza e estilo? A moda infantil oferece uma série de possibilidades e é fácil ficar confuso diante dos modelos fofos e estilosos disponíveis no mercado.

Quando menos se espera, você será fisgada pelas vitrines e gastará mais do que deveria com os itens de vestuário para bebês. Fuja dessa armadilha e não comprometa excessivamente seu orçamento familiar. Estipule um valor limite para gastar com roupas importadas para o bebê. Isso te obrigará a fazer as compras com um olhar mais criterioso.

E aí, você gostou das nossas dicas? Esse guia será útil nas suas próximas compras de roupas importadas para seu bebê? Que outras estratégias você usa para vestir seu pequeno agregando estilo, qualidade e economia? Compartilhe as suas opiniões conosco através dos comentários.

Por mais que sejam bem resistentes e possuam um ótimo acabamento, procure cuidar das roupinhas importadas do seu bebê para que elas durem mais. Esse também é um jeito de economizar e praticar o consumo consciente! Para saber como conservar as roupas dos pimpolhos, confira nossas dicas de lavagem, armazenamento e afins!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *