Categorias
Admin Updates

Roupas de bebe feminino recém nascido

Nos dias atuais ter um filho é algo muito esperado e planejado, normalmente os papais desejam a criança mais que tudo no mundo. Quando o bebê vem ao mundo, não há quem não se encante com ele, os pais ficam bobos diante de tanta beleza, enquanto outros parentes e amigos enchem a casa para poder paparicá-lo.

Dentro desse novo mundo que o bebê cria, os pais tem que ter a consciência de que nem tudo são flores. Haverá noites que as crianças passarão chorando, haverá vezes em que nada estará bom para eles, vão ficar doentes, com fome, entre diversas outras necessidades, mas tudo isso vale a pena quando eles dão um sorriso.

Foto: Pink and Blue Bonnets

Para os bebês recém-nascidos, a chegada deles costuma está cheia de novidades. O quarto decorado, o enxoval novo, os presentes do chá de bebê, além de todas as roupinhas que finalmente poderão ser usadas. Mas a pergunta que sobrevoa a cabeça de muitas mamães de plantão é: como saber o que é mais adequado para vestir na minha filha recém-nascida?

Nem sempre é fácil escolher o que colocar, pois existem crianças que não se adaptam a alguns tipos de tecidos, outras têm alergia, entre outros fatores. É preciso ter uma variedade um pouco grande de roupas no início, até ir definindo as preferências e gostos do seu bebê, para então comprar roupas de um e dois meses.

Para as meninas existem modelos de tudo que é espécime. Para as mamães que gostam de apostar no cor-de-rosa, com certeza será bem fácil encontrar tudo o que precisa nessa cor. Casacos, vestidos, sandálias, tocas, meia-calças, tip-tops, bodys, shorts e todos os outros modelos estão disponíveis em rosa.

Foto: Carter’s

Já aquelas mamães que preferem aderir outros estilos, podem procurar modelinhos mais floridos para o verão, pois estão super em alta para bebês, além de ter vários conjuntos, como tiaras e chapéus. Já para o inverno, o que mais chama atenção é o veludo, além de ser um tecido muito sofisticado, ele é perfeito para manter o seu bebê longe do frio e bem quentinho!

Para as mamães que estão quase ganhando e ainda não compraram muita coisa, não se preocupe! O importante é ter o básico, como tip-tops e bodys, além de meias e roupas quentes, visto que recém-nascidos tem bastante frio. Depois que o bebê nasce, a maioria das mamães ganha bastantes persentes e roupinhas para o bebês, por isso não há com o que se preocupar!

Categorias
Roupas de Bebê

Roupas de bebês de 6 meses

Quando se tem um filho toda a rotina muda, a hora de dormir, a hora de comer e até a hora de ir trabalhar. Mesmo depois de alguns meses, ainda é preciso se habituar a algumas vontades da criança, como o jeito que ele prefere se vestir, os desenhos que ele gosta de ver e as suas brincadeiras preferidas, mas tudo isso acaba valendo muito a pena quando se vê um grande sorriso no rosto do seu bebê.

Dessa forma é que se tem grande dificuldade para comprar roupas, pois existem inúmeros modelos que não se adequam ao tamanho da criança e, mesmo que ela não fale, o choro deixa muito claro que aquilo não está confortável. Além disso, é muito difícil conseguir ficar provando roupas em bebês que ainda não tem nem um ano de idade. Daí surge a dúvida, como fazer para comprar roupas de bebês?

Foto: Love Little Daisy

Separamos algumas dicas interessantes que podem facilitar o seu dia a dia, visto que criança perde roupa muito fácil, comprar tip-tops e blusinhas se torna quase uma rotina na vida dos papais. A primeira dica é sempre comprar pelo menos duas peças de uma roupa que o seu bebê gostou, mesmo que seja um tamanho maior, é sempre bom ter roupas confortáveis para eles.

Bebês de seis meses ainda não aprenderam a engatinhar direito, mas vários já rolam e rastejam pela cama, tapetes e até mesmo no chão. Por isso, para ficar em casa, as roupinhas maleáveis são preferidas, assim deixam o seu bebê se desenvolver e aprender tudo o que ele pode. Além disso, se possível, compre roupas que sejam também resistentes, assim você consegue aproveitar um pouco mais de tempo.

Foto: Bela Pequena

É importante lembrar que é sempre necessário ter roupinhas bonitas, como vestidos, macacões e camisetes de vários tamanhos. Pois se você não costuma frequentar muitas festas e esses tipos de lugares com o seu bebê, quando você precisar ir talvez as roupinhas que possui fiquem apertadas. Então, além do básico, mantenha sempre algumas peças mais sofisticadas no guarda-roupa, inclusive de tamanhos maiores.

No quesito de escolha das peças isso varia mais conforme o gosto dos pais, pois muitos gostam de vestir as meninas, por exemplo, toda de rosa. Já tem outros que não, que gostam de deixá-las mais livres e colocar cores variadas. As opções não faltam, basta procurar e se atentar a alguns detalhes que seu bebê sempre ficará bem!

 

Categorias
Roupas de Bebê

O que não pode faltar no guarda-roupa do seu bebê

Montar o guarda-roupa de bebê é uma das partes mais gostosas do planejamento para receber o pequeno, não é mesmo? O problema é que nem sempre essa missão é tão simples assim. Com tantas opções fofas por aí, muitos papais e mamães acabam enchendo as prateleiras do armário com peças que, no final, nem vão poder ser usadas pelo seu filho.

Pensando nisso, resolvemos compartilhar, a seguir, as peças que não podem faltar na sua lista de roupas de bebê. Fique de olho e acerte no enxoval do seu filhote!

Macacão ou body

Esse deve ser o item número um no guarda-roupa de bebê. Isso porque, principalmente no caso dos recém-nascidos, essa é a peça mais confortável possível para o pequenino e também para os pais, já que permite que o neném se mexa sem restrição, não fica subindo como uma blusa e deixa que os adultos removam e vistam a roupinha com rapidez na criança para dar banho, trocar a frauda, etc.

Vale lembrar que o tipo de macacãozinho vai depender tanto da idade do seu filho quanto da estação do ano e do clima do ligar onde você mora. Se o baby vai nascer no verão, por exemplo, compre bodiestamanho RN sem manga, para deixá-lo bem fresquinho, e aposte nos macacões de tamanho M mais quentinhos, com manga comprida, para quando o bebê estiver maior no inverno.

Roupas de praia

Não importa se você não mora no litoral: uma hora ou outra, vai fazer aquele calor e você vai querer levar o seu baixinho para se divertir ao ar livre, de preferência com muita água! E na piscininha inflável no quintal, no mar ou no clube, é preciso contar com as roupinhas de banho certas para que o seu pimpolho fique protegido e confortável ao mesmo tempo.

Por sorte, nós já falamos um pouco sobre os cuidados na escolha das roupas de bebê para a praia neste outro post, que tal dar uma olhadinha?

Conjunto de praia para menina

Camisetas

As camisetas são peças coringa em qualquer guarda-roupa de bebê: você pode vesti-las no seu filho por baixo de uma jardineira, de uma blusa de frio ou até junto com uma legging confortável para deixar o pequeno brincando protegido! No calor, as camisetas bloqueiam o sol sem sufocar a criança, e podem inclusive ser a única peça de roupa usada nos dias muito quentes.

A dica, aqui, é preferir os modelos com botões nos ombros ou perto do pescoço (atrás ou na frente), que facilitam o momento de passar a cabecinha do pimpolho pela gola.

Camisetas importadas

Meias

Colocar sapatinhos no seu bebê para sair é muito importante para proteger seus pezinhos, mas dentro de casa, o calçado principal podem sim ser as meias mesmo. Daí a necessidade de contar com uma boa quantidade de meias de qualidade, tanto para evitar farpas e outros objetos que podem ferir os pés do bebê quanto para agasalhá-lo — sabia que os pequeninos sentem mais frio que a gente?

 

Essas são as roupas de bebê que você não pode deixar de ter para vestir seu baixinho a qualquer hora, mas, claro, além delas, você também pode apostar em algumas peças menos básicas, como vestidos e conjuntinhos para ocasiões especiais, não é? Comente contando para a gente o que mais vai para o guarda-roupa do seu filhote e diga se você ainda tem alguma dúvida sobre como escolher o enxoval do pequenino!

Categorias
Roupas de Bebê

Entenda a melhor maneira de lavar roupa importada de bebê colorida

Cada tipo de roupa requer cuidados específicos. Um vestido de seda não se lava como uma calça jeans, uma blusa de lã não se lava como um short de brim, um macaquinho branco não se lava como uma jaqueta preta. Toda mamãe precisa ter isso em mente se quiser conservar as roupas das crianças bonitas e íntegras por mais tempo, livres das temidas bolinhas e desbotamentos.

Das regras de lavagem de roupinhas de bebês, talvez a mais importante seja justamente tomar um cuidado especial com as roupinhas coloridas, pois elas tendem a estragar com mais facilidade. Para que você não tenha problemas com isso na sua casa, listamos quais são as formas de evitar que a roupa importada do bebê manche ou desbote. Veja com a gente!

Vestido Minnie Rosa

Leia as instruções de lavagem da etiqueta

O primeiro cuidado básico na higienização das roupinhas coloridas é analisar as informações contidas na etiqueta, pois normalmente a própria etiqueta explica como a peça deve ser lavada (a seco, à mão, na máquina, etc). Pode ser que haja também a recomendação de lavagem junto com cores semelhantes ou a instrução expressa para virar a roupa pelo avesso antes de lavá-la. Isso é essencial para garantir a conservação das peças infantis.

Lave as roupas coloridas separadamente

Não adianta! Nem tente ganhar tempo lavando todas as roupas juntas, até mesmo porque, esse é o caminho mais curto para manchar as peças. Antes de iniciar a lavagem, separe as roupas em pilhas, fazendo a categorização por semelhança de cor. As roupas brancas devem ser lavadas com brancas, as pretas podem ser lavadas junto com azul-marinho e grafite, roupas em tom pastel devem ser lavadas juntas, desde que não soltem tinta, mas as peças jeans precisam obrigatoriamente ser lavadas separadamente das peças claras.

Vestido Minnie Vermelha

Use produtos adequados

Busque produtos de limpeza adequados para a pele sensível do bebê e formulados para evitar danos nos tecidos mais delicados. No mercado já existe sabão em pó, sabão líquido ou em barra, que são apropriados para a lavagem de peças infantis. Além disso, há amaciantes suaves e alvejantes em pó que removem manchas, sem esbranquiçar o tecido colorido. Vale ressaltar que o uso de sabão em pó comum pode deixar resíduos de pH alto na peça, o que causa irritações na pele da criança.

Modere no uso de alvejante e amaciante

O uso excessivo de alvejantes e amaciantes é um dos principais vilões das roupas coloridas. Na verdade, muito amaciante pode endurecer as fibras têxteis e provocar alergias. Lembre-se de que o amaciante serve justamente para deixar a roupa mais agradável ao toque e não para deixá-las cheirosas.

Vale ressaltar que alvejantes com cloro são terminantemente contraindicados em roupas coloridas, já os à base de oxigênio, sem cloro, podem ser usados na remoção de manchas difíceis, mas, ainda assim, com moderação. Se a roupa não estiver manchada, o uso desse tipo de produto é totalmente dispensável.

Faça o teste da tinta

Para evitar surpresas desagradáveis ao tirar as roupinhas coloridas da máquina, realize o teste da tinta para comprovar a firmeza das cores. O teste é bem simples! Basta umedecer um pedaço da roupa e colocar um retalho branco em cima. Usando o ferro de passar aquecido, pressione o pano branco sobre a peça colorida. Caso a roupa colorida transfira a tonalidade para o paninho branco, então ela deverá ser lavada separadamente e jamais deve ficar de molho.

Conjunto infantil feminino rosa

Realize o tratamento pré-lavagem nas peças

Caso a roupa do pequeno esteja com sujeira pesada ou alguma mancha mais difícil de remover na lavagem tradicional, o mais indicado é tratá-la antes para facilitar a remoção da sujeira. É recomendável que antes de colocar a roupa na máquina, você a lave à mão, pois a máquina não dá conta de lavar a roupinha de forma impecável. O uso de alvejantes industrializados também é bem-vindo, assim como a utilização de soluções branqueadoras/limpadoras caseiras, como por exemplo, o vinagre.

Não deixe as roupas coloridas de molho por muito tempo

O molho é uma estratégia bacana para limpar as roupas mais sujas e também as meias coloridas dos pequenos, mas, por vários motivos, as peças infantis não devem ficar de molho por muito tempo, especialmente se elas forem listradas. Primeiramente, com o molho muito longo, a sujeira sai da roupa, vai para a água e logo é transferida para a roupa novamente. Além disso, o molho favorece o desbotamento da peça. Como se não bastasse, as fibras dos tecidos estampados e coloridos podem se romper mais facilmente quando elas ficam submersas na água por períodos prolongados.

Tome cuidado na hora de secar

E não é só à lavagem que você deve prestar atenção! Atente-se também à secagem das roupas importadas coloridas para preservá-las sempre lindas e vibrantes. O ideal é que elas sequem à sombra, pois a exposição direta ao sol pode acabar acelerando o processo de desbotamento. Você não quer que as roupas novinhas do seu filho pareçam velhas só porque ficaram muito tempo no sol, quer?

Outras dicas para lavar as roupas coloridas do bebê

  • O sabão de coco continua sendo uma ótima opção para lavar roupinhas infantis, sejam elas brancas ou coloridas;
  • Lave as roupas da criança separadamente das roupas de cama e roupas de uso pessoal do restante da família. Essa regra vale para as roupas de qualquer cor!
  • Tenha baldes e bacias específicos para a lavagem das roupas dos pequenos;
  • Pesquise sobre a experiência e opinião de outras mamães quanto aos produtos de limpeza;
  • No caso da lavagem à mão, jamais torça a roupa com muita força, pois isso pode deformar a roupinha;
  • A secagem no varal é sempre mais recomendada do que a secagem na máquina, uma vez que deixa as roupinhas mais cheirosas e macias.

E aí, você gostou das nossas dicas de como lavar as roupas coloridas dos seus filhos, evitando manchas e desbotamentos. Se quiser conferir outros truques para manter a roupa importada de bebê sempre novas e bonitas, clique aqui. Até a próxima e continue acompanhando as novidades do nosso blog!

Categorias
Roupas de Bebê

Dicas para conservar as roupas importadas do seu bebê

As roupas infantis importadas são conhecidas pela qualidade e durabilidade, no entanto, esse fato não minimiza a importância do cuidado com as peças, até como forma de conservá-las bonitas e íntegras por mais tempo.

Se você costuma comprar roupas de marcas importadas para os seus filhos e não deseja que essas peças estraguem com as sucessivas lavagens, veja os cuidados que você deve adotar para conservar as roupas do seu bebê. Se bobear, algumas roupinhas importadas poderão até ser usadas pelo seu próximo filho. Basta cuidar delas com carinho!

Conjunto Carters 5 bodies RN little speeder

Como lavar as roupas importadas?

Para manter as roupas novinhas em folha, perfeitas para usar por mais tempo ou até para vendê-las quando não mais couberem no seu bebê, é importante ser muito cuidadoso na hora da lavagem. Veja a seguir tudo que você precisa saber sobre a lavagem de roupas infantis importadas:

Separe as roupas cuidadosamente

Nada de lavar roupas brancas junto com roupas pretas, roupas de pelos com roupas sem pelo, roupas pesadas com roupas delicadas! É preciso selecionar peça por peça e ler as instruções contidas na etiqueta do produto. Nada de jogar as roupas das crianças aleatoriamente na máquina.

Cuidado com o excesso de sabão

Não use muito sabão para lavar as roupas, pois o excesso de pode amarelar as roupas. Além disso, usar sabão demais impede o enxágue perfeito e o acúmulo de resíduos acaba danificando as fibras têxteis e endurece o tecido da roupinha.

Água quente só depois de pré-lavagem fria

Mesmo que a roupa esteja bem suja, jamais lave-a diretamente com água quente. Se você fizer isso, em vez de remover a sujeira, a alta temperatura irá cozinhá-la, deixando a peça amarelada. Lave primeiro com água fria e, só depois, lave com água quente.

Não exagere na quantidade de amaciante

Assim como o uso exagerado de sabão, o uso exagerado de amaciante também pode danificar as fibras das roupinhas, deixando-as mais duras e ásperas. Para assegurar roupas macias, cheirosas e confortáveis, além de usar a quantidade ideal de amaciante, é preciso optar por produtos de marcas confiáveis e qualidade reconhecida no mercado.

Conjunto Carters 2 pecas 12m Amarelo com Floral

Redobre a atenção com as roupas delicadas

Não há roupa delicada que sobreviva à máquina de lavar! Peças bordadas, com apliques, laços e rendas devem ser, preferencialmente, lavadas à mão para que durem por mais tempo e preservem sua beleza.

Não se esqueça da manutenção da máquina

O que a manutenção da máquina tem a ver com a preservação das roupas infantis? Tudo! Esses aparelhos possuem filtros que devem ser limpos regularmente para que as roupas não fiquem com fiapos e a qualidade do filtro de lavagem não seja comprometida.

Coloque as roupas para secar em lugar iluminado e arejado

Para que as roupinhas fiquem bem secas e apropriadas para o uso, coloque-as para secar em um ambiente iluminado e arejado. A incidência de luz solar é essencial para eliminar a umidade e exterminar germes e bactérias. A ventilação também ajuda no processo, mas vale lembrar que se a etiqueta informar que a roupa deve ser seca à sombra, é preciso respeitar a recomendação. É o caso das roupas de lã, que devem ser lavadas com detergente neutro e colocadas para secar em áreas sombreadas.

Conjunto infantil feminino 3 peças RN Carters

Como guardar as roupinhas do seu filho?

Quem tem um bebê em casa e costuma vesti-lo com roupas importadas, também precisa tomar cuidado na hora de guardar as roupinhas. As peças de inverno, por exemplo, nem sempre necessitam de lavagem antes do uso, desde que sejam guardadas limpas na estação anterior. Roupas guardadas sujas atraem traças e ácaros, provocando danos irreversíveis à peça.

Diante disso, antes de guardar as roupas de uma temporada para receber as de outra estação, faça a higienização das peças. Lave-as, deixe-as secar e, quando estiverem livres de umidade, coloque-as dentro de sacos de proteção. Para reforçar os cuidados, lave as peças com produtos bactericidas.

De modo geral, a melhor forma de guardar as roupas das crianças é colocá-las em sacos de TNT, pois eles protegem as peças, mas, ao mesmo tempo, permitem que elas respirem. Roupas bordadas com pérolas e pedrarias devem ficar guardadas pelo avesso. Ah, e jamais passe perfume diretamente nas roupinhas dos bebês, pois além de amarelar a peça, a umidade do perfume pode provocar bolor nas roupas.

Conjunto Carters 3 pecas 18 m Mommys Cutie

Como tirar o amarelado das peças?

Infelizmente, por mais que você cuide bem das roupas do pimpolho, eventualmente podem surgir aquelas indesejadas manchas amareladas. Normalmente isso acontece quando as roupas de uma temporada são guardadas para dar lugar a outras peças. Assim que a estação muda, os pais têm a desagradável surpresa de encontrar as roupas que foram armazenadas meses atrás um pouco encardidas.

É comum que as mamães usem cloro e água sanitária para tentar clarear essas manchas, mas a tentativa pode não só ser em vão, como também intensificar o amarelamento, especialmente quando se usa água quente. Para evitar maiores danos na peça, procure neutralizar a ação do produto clorado com outro ácido, a exemplo do vinagre de maçã. Adicione um copo de vinagre no último enxágue.

Como remover manchas?

As manchas de gordura que eventualmente acumularem nas roupinhas do pequeno devem ser limpas com detergente neutro ou removedor específico. Já as manchas de ferrugem ou oxidação do tempo, pedem uma limpeza mais profunda, um alvejamento utilizando com peróxido a quente (65ºC). Ainda assim, os resultados nem sempre são plenamente satisfatórios.

Como passar as roupas infantis importadas?

As roupas infantis devem ser passadas cuidadosamente com ferro, pois a temperatura elevada ajuda a eliminar germes e bactérias residuais. Os tecidos muito delicados devem ser passados com atenção redobrada, normalmente pelo avesso e com o ferro um pouco mais frio. Usar o ferro de vapor vertical também é uma ótima opção.

E aí, você vai adotar essas práticas no seu dia a dia? Que outros cuidados você segue para conservar as roupas importadas de bebê? Compartilhe as suas opiniões e experiências com outros papais e mamães através dos comentários e continue acompanhando o nosso blog para ficar por dentro de outras dicas!